Sanitário compostável

O sanitário compostável, também conhecido por fossa seca, sanitário seco e ‘composting toilet’, fecha o ciclo de nutrientes, transformando as fezes humanas em composto orgânico seguro, sem problemas com odores e sem contaminação do solo e da água.

O sanitário compostável, como o próprio nome diz, é um sanitário que usa o método da compostagem das fezes com serragem e papel higiênico, eliminando a necessidade de água potável para empurrar as fezes esgoto abaixo e ainda de quebra gerar um ótimo aditivo para o solo. Com este sistema, a água e o solo não são contaminados e cada família pode resolver o problema do esgoto doméstico sem depender da prefeitura para isto.

Esquema de funcionamento do sanitário
Continue lendo “Sanitário compostável”

Bomba carneiro

Importante: Nós não vendemos esse equipamento e nem de outros fabricantes. Este artigo é apenas para orientar quem quer construir sua própria bomba carneiro.

A bomba carneiro, também conhecida por bomba aríete e carneiro hidráulico, é uma bomba dágua simples de ser construída e com a grande vantagem de não requerer nenhuma fonte de energia externa para funcionar. Ela funciona com a própria pressão da coluna dágua que ela usa para bombear a água para um ponto mais alto do terreno.

bomba caneiroJá existem diversas experiências sobre este assunto e que geraram diversas maneiras diferentes de construí-la e com materiais e caraterísticas diferentes mas o princípio de funcionamento de todas é o mesmo. Com base no conhecimento do seu princípio de funcionamento você também poderá inventar o seu próprio jeito de construir uma.
Continue lendo “Bomba carneiro”

Sistematização da água

O que caracteriza de forma marcante a ação de um permacultor? Ao fazer o design de um assentamento humano, seja ele uma vila, um sítio ou uma casa na cidade, quais seriam as prioridades? Começar por onde?
Para responder a estas questões vou usar como inspiração uma frase do amigo Jorge Timmermann:

O principal trabalho de um permacultor é sistematizar a água e alimentar o solo.

Porque será que ele fala isso? Dá muito o que pensar, né? Então vamos explorar bem esse tema e para isso, vamos separá-lo em dois artigos. Neste artigo, falarei sobre a “sistematização da água” e num próximo falarei sobre “alimentar o solo”. Mas nesse artigo vamos procurar também identificar as conexões entre a água e o solo.

A linguagem
Procurando usar uma linguagem mais retratadora do que descritiva, vamos utilizar um mapa mental que procura abranger as principais oportunidades de sistematização da água em todas as zonas de um assentamento humano.
Mapa mental
Continue lendo “Sistematização da água”